Atualidade

Residentes junto ao aeroporto apresentam maior risco para diabetes, demência e hipertensão

26 Jun. 2024

As pessoas que vivem junto ao aeroporto de Lisboa apresentam maior risco de contrair doenças como hipertensão, diabetes ou demência, segundo um estudo divulgado ontem, 25 de julho, pela associação Zero, que alerta para os perigos da exposição a partículas ultrafinas. As conclusões resultam de um estudo da Federação Europeia de Transportes e Ambiente, que explora a ligação entre as partículas ultrafinas emitidas pelos aviões e a saúde das pessoas que vivem perto dos 32 aeroportos mais movimentados da Europa.

Apoios

Boehringer Ingelheim & Lilly Alliance MerckServier